• O Diabo do Mercado

        Poucas coisas são mais embaraçosas na contemporaneidade, para um liberal raiz  do que a China. Explicar como é possível que o país que parece administrar de modo mais […]

    Leia mais
  • Camarada Bakunin

          Não é fácil para um professor que dá aulas de filosofia política, viver numa época em que uma parte significativa dos jovens se informa por vídeos no […]

    Leia mais
  • A Bandeira Negra

          Em Hamburgo eles são classificados como membros da esquerda radical. Em Caracas, agentes do imperialismo norte americano. No Rio de Janeiro, vândalos que queimam lixeiras e depredam […]

    Leia mais
  • Marx, o Mouro incontornável

        Outro dia recebi em um desses grupos de Wats App um “textão” sobre Marx. Como a grande maioria das pérolas que circulam na rede, o texto trazia um […]

    Leia mais
  • Erre de novo, erre melhor

      Em 1784, Jacques-Louis David apresentou ao público francês seu quadro: O Julgamento dos Horácios. A pitura retrata um episódio da peça Horácio, de Corneille, e mostra três heróis romanos […]

    Leia mais

Esvaziando a estante

  • Pablo Capistrano
  • 26 de maio de 2018, as 6h06

  Durante os quase 10 anos em que fui professor em faculdades de Direito de Natal vi todo tipo de aluno entrar em minha sala de aula. Desde aqueles recém […]

  • Pablo Capistrano
  • 07 de março de 2018, as 5h05

                FITZPATRICK, Sheila. A revolução russa. Tradução de Susana Sousa e Sllva. Lisboa, Tinta da China: 2017.   Em meio a tanta bobagem […]

  • Pablo Capistrano
  • 06 de janeiro de 2018, as 4h04

      NIETZSCHE, Friedrich. Vontade de Potência. Tradução de Mário Ferreira dos Santos. Petropolis: Vozes de Bolso, 2017.   Esse livro já começa complicado pelo título. Em alemão, “Der […]

  • Pablo Capistrano
  • 23 de outubro de 2017, as 8h08

    DOSTOIÉVSKI, Fiódor. Memórias do Subsolo. Tradução de Irineu Franco Perpetuo. São Paulo: Mediafashion/Folha de São Paulo, 2016.     É realmente espantoso que uma geração tenha dado ao […]

01 out

Nietzsche

  • Pablo Capistrano
  • 01 de outubro de 2017, as 6h06

    ASTOR, Dorian. Nietzsche. Tradução de Gustavo de Azambuja Feix. Porto Alegre: L&PM Pocket, 2011.   Segunda biografia de Nietzsche que eu leio. Não é tão aprofundada quanto a […]

2007 ® Pablo Capistrano

dz3