• Marx, o Mouro incontornável

        Outro dia recebi em um desses grupos de Wats App um “textão” sobre Marx. Como a grande maioria das pérolas que circulam na rede, o texto trazia um […]

    Leia mais
  • Erre de novo, erre melhor

      Em 1784, Jacques-Louis David apresentou ao público francês seu quadro: O Julgamento dos Horácios. A pitura retrata um episódio da peça Horácio, de Corneille, e mostra três heróis romanos […]

    Leia mais
  • Onde se enterram os heróis

        Entre os anos de 1796 e 1797, quando reinos de toda a Europa se reuniram em um consorcio conservador para matar a revolução que eclodiu na França em […]

    Leia mais
  • A velha violência da ordem

        Atrás de uma imensa janela de vidro pessoas bem vestidas aproveitam um coquetel. Enquanto garçons servem vinho, champanhe e camarão gratinado no salão refrigerado, os participantes da festa […]

    Leia mais
  • A Importância de Ser Comum

        Em 1656, quinze anos depois dos acontecimentos que levaram os ingleses a cortar a cabeça do rei Carlos I, Diego Velásquez pintou seu único autorretrato.   Filho de […]

    Leia mais

Poesia e Pensamento

  • Pablo Capistrano
  • 11 de março de 2015, as 11h11

  Não vou pra passeata dia 13/03 nem dia 15/03 Meu manifesto vai pra rua dia 14 de Março. Publico abaixo alguns poemas, dois meus, publicados em 1999 no livro […]

  • Pablo Capistrano
  • 08 de abril de 2014, as 7h07

Escrevi esse texto em 08 de Abril de 1994, depois de assistir a reportagem no telejornal sobre a morte de Kurt Cobain, vocalista do NIRVANA. O texto foi publicado em […]

  • Pablo Capistrano
  • 23 de janeiro de 2014, as 6h06

      quantas Anas quantas Cristinas se perdem nessas ruas?   cidade intensidade descortina na névoa ondulada do mar veio basáltico que a rocha escura contamina   meu coração […]

  • Pablo Capistrano
  • 11 de agosto de 2013, as 4h04

  Foto: eu e meu pai em 1974 Neste dia dos pais, publico aqui três poemas inéditos do meu pai (Franklin Capistrano) ele me passou por mensagem pelo celular, depois […]

  • Pablo Capistrano
  • 31 de dezembro de 2012, as 6h06

  Todas as festas que virão     E que roupa usará a pobre moça Em todas as festas que virão? Um vestido em farrapos de não se sabe onde […]

2007 ® Pablo Capistrano

dz3