• Erre de novo, erre melhor

      Em 1784, Jacques-Louis David apresentou ao público francês seu quadro: O Julgamento dos Horácios. A pitura retrata um episódio da peça Horácio, de Corneille, e mostra três heróis romanos […]

    Leia mais
  • Onde se enterram os heróis

        Entre os anos de 1796 e 1797, quando reinos de toda a Europa se reuniram em um consorcio conservador para matar a revolução que eclodiu na França em […]

    Leia mais
  • A velha violência da ordem

        Atrás de uma imensa janela de vidro pessoas bem vestidas aproveitam um coquetel. Enquanto garçons servem vinho, champanhe e camarão gratinado no salão refrigerado, os participantes da festa […]

    Leia mais
  • A Importância de Ser Comum

        Em 1656, quinze anos depois dos acontecimentos que levaram os ingleses a cortar a cabeça do rei Carlos I, Diego Velásquez pintou seu único autorretrato.   Filho de […]

    Leia mais
  • A Fantasia da Riqueza

        Certa vez viajei com meus alunos a uma mina no Seridó do RN. Após uma visita guiada, observando as condições em que os trabalhadores se encontravam (em uma […]

    Leia mais

Pablo Capistrano é professor de Filosofia e Direito no IFRN

Mestre em metafísica e Doutor em Literatura pela UFRN

Participou nos anos 90 do grupo de ação cultural Sótão 277

publicou diversos livros:

Domingos do Mundo (poesia) pela BOÁGUA (1999)

Descoordenadas Cartesianas em três ensaios de quase filosofia (Ensaios) pelo SEBO VERMELHO EDIÇÔES  (2001)

Pequenas Catástrofes (Romance) em 2002 primeira edição pela AS EDITORES (na coleção Letras Potiguares) e em 2005 em uma segunda edição pela ROCCO (no selo safra XXI)

Simples Filosofia (Crônicas) em 2009 pela ROCCO

É Preciso Ter sorte quando se está em guerra (Contos) em 2011 pela editora JOVENS ESCRIBAS

Filosofia do Direito (Notas de Aula) em 2011 pela editora MÉTODO

Colaborou com diversos jornais como Jornal de Hoje (Natal), A Tarde (Salvador), O Mossoroense (Mossró), Tribuna do Norte (Natal), Diário de Natal e O Poty (Natal), O Metropolitano (Parnamirim).

 

Casado, pai de três filhos, vive em Natal desde que nasceu

ps.: se quiser saber algo da vida acadêmica de Pablo Capistrano siga o link:

http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.jsp?id=K4766895U9

2007 ® Pablo Capistrano

dz3